9 coisas para saber antes de sua primeira consulta de fisioterapia

Consultar um fisioterapeuta pode ser intimidante para algumas pessoas, porque elas não têm certeza do que esperar. Os fisioterapeutas são especialistas qualificados que podem ajudar no controle da dor, portanto, não há necessidade de se preocupar. Você pode acabar se livrando de sua dor com a ajuda deles. Se você tem uma consulta de fisioterapia em breve, é fundamental que você chegue totalmente preparado. Aqui estão algumas coisas que todo paciente de primeira viagem deve saber para evitar qualquer confusão ou preocupação durante a sessão.

1. Esteja pronto para as perguntas

Você deve esperar passar de 45 minutos a uma hora com o terapeuta após o início da parte individual da consulta. A sessão incluirá a avaliação e o tratamento.

O terapeuta fará uma série de perguntas sobre seu desconforto e por que você está procurando tratamento na primeira fase da avaliação. Você deve oferecer informações sobre os seguintes tópicos:

  • Quando seus sintomas começaram e o que poderia tê-los desencadeado?
  • Quais fatores pioram ou melhoram seus sintomas?
  • Que outros tratamentos você tentou para isso?

O fisioterapeuta usará suas respostas para outras perguntas para orientar o restante da avaliação.

O terapeuta também perguntará sobre seus objetivos de fisioterapia. Dessa forma, você e o fisioterapeuta saberão o que esperar na sua consulta inicial de fisioterapia e depois dela. Isso é importante para garantir que você e seu parceiro estejam na mesma página sobre o que você deseja obter dessas sessões.

Clique aqui para saber mais sobre fisioterapia.

2. Roupas para Vestir

Ao marcar sua consulta, pergunte se você deve usar ou trazer um tipo específico de traje para sua visita inicial. É fundamental que você se sinta relaxado. Vista-se como se estivesse indo para a academia, pois sua sessão pode incluir alongamentos e atividades leves.

Tenha em mente que você pode precisar se deitar ou ficar em posturas estranhas, então vista-se confortavelmente. Regatas ou camisetas soltas permitirão que o terapeuta o examine mais confortavelmente.

Use shorts ou calças largas que possam ser puxadas até o joelho se você tiver uma lesão na perna ou no joelho.

3. A relação entre você e seu PT

Sua conexão com seu fisioterapeuta deve parecer uma parceria na qual vocês dois estão trabalhando para melhorar a forma como se sentem e se movem. Sinta-se à vontade para fazer qualquer pergunta que possa ter sobre o que está acontecendo durante sua terapia. Seu fisioterapeuta deve encorajá-lo a fazer perguntas e deve ser capaz de respondê-las de forma clara e concisa sobre seus tratamentos, condição e programa de reabilitação.

Se você tem uma doença, lesão ou procedimento cirúrgico que afeta sua mobilidade funcional, seu fisioterapeuta é uma das melhores pessoas para conversar. No entanto, você só receberá o que colocar na fisioterapia.

4. A fisioterapia dói?

Fonte: healthline.com

O objetivo do seu fisioterapeuta é ajudá-lo a atingir a funcionalidade ideal enquanto reduz a dor. Você pode sentir alguma dor ou desconforto durante a terapia, dependendo da gravidade de sua doença ou dano, principalmente após a cirurgia. Sempre deixe seu fisioterapeuta saber se e quanta dor você está sentindo para que ele possa continuar a fazer modificações para ajudá-lo a progredir com o mínimo de desconforto possível.

5. Desenvolva uma avaliação

Seu fisioterapeuta compartilhará as descobertas com você depois de ter uma imagem clara da causa ou causas de sua queixa principal. Eles examinarão com você quaisquer desequilíbrios que estejam causando seus sintomas e oferecerão o remédio ou as terapias que serão mais benéficas para você.

Peça esclarecimentos se necessário. Se algo não fizer sentido, diga ao seu terapeuta e acompanhe os próximos passos ou perguntas que você tiver sobre como seguir em frente.

6. Plano de Tratamento

Seu fisioterapeuta criará um plano de tratamento para você, adaptado às suas necessidades específicas, e você discutirá os objetivos e os resultados com eles.

Após a avaliação inicial, seu fisioterapeuta pode iniciar a terapia imediatamente, usando técnicas terapêuticas como estimulação elétrica – isso ajuda no controle da dor e na melhora da função muscular. Seu fisioterapeuta também recomendará exercícios específicos para você realizar em casa.

Quando você tiver uma comunicação aberta com seu fisioterapeuta, você terá um plano de tratamento adequado. Diga ao seu médico como você está se sentindo, o que está funcionando e o que não está, para que você possa obter melhores resultados.

7. Duração do Tratamento

Fonte: thedacare.org

Espere gastar cerca de uma hora em sua primeira visita conhecendo seu terapeuta e completando a avaliação inicial. Seu fisioterapeuta explicará com que frequência e por quanto tempo eles recomendam que você se submeta à terapia. No entanto, a maioria das sessões dura de 45 minutos a uma hora.

Seu fisioterapeuta pode lhe dar alguns exercícios em casa para ajudá-lo a progredir entre as consultas, dependendo de sua condição ou lesão.

8. Seguro e Fisioterapia

Caso você tenha cobertura de saúde, entre em contato com seu fornecedor ou com a equipe da instituição e se informe sobre suas vantagens e inclusão de tratamento não invasivo.

Independentemente de você precisar de fisioterapia para condições musculares, vestibulares ou neurológicas, a maioria dos provedores de cobertura de saúde reembolsa a totalidade ou parte das cobranças. Tenha continuamente dados claros sobre sua inclusão na cobertura de saúde. Entre em contato com o supervisor do local de trabalho em sua instalação ideal se tiver dúvidas sobre os benefícios.

9. Revise seu plano

Você e seu fisioterapeuta irão elaborar um plano de ação agora que você tem uma melhor compreensão das razões de seus problemas e dos tratamentos que podem ajudar a curá-los.

Você também pode discutir várias recomendações e decidir sobre o número de consultas de acompanhamento que funcionariam melhor para seu orçamento, cronograma e plano de tratamento. Seu terapeuta pode prescrever alguns exercícios para você fazer em casa para resolver quaisquer desequilíbrios descobertos durante a avaliação.

Prepare-se para fazer o seguinte para aproveitar ao máximo seu tempo:

  • Reconheça sua participação no processo de reabilitação, bem como seus objetivos de funcionamento a longo prazo.
  • Faça alguns movimentos ou exercícios.
  • Traga sua agenda para saber quando pode agendar seu próximo compromisso.

Conclusão

Agora que você entende os passos que deve seguir durante suas sessões de fisioterapia, agende uma consulta com seu médico hoje e siga o caminho da recuperação.